Notícia

Alunos: Beber muito promove a concentração

Alunos: Beber muito promove a concentração



We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

Sem líquidos suficientes, sem concentração na escola
O novo ano escolar já começou em alguns estados federais. Para entrar em forma durante o dia escolar, os alunos não apenas precisam comer de forma saudável, mas também bebem o suficiente. O cérebro precisa regularmente de líquidos para permanecer eficiente. "A água da torneira ou água mineral é ideal para saciar a sua sede", explica o nutricionista Harald Seitz, do Centro Federal de Nutrição (BZfE).

»Se seu filho deseja mais sabor, os chás de ervas e de frutas sem açúcar são uma boa alternativa. Spritzers de suco também são permitidos em mochilas escolares se forem misturados na proporção de 1: 3. «

Cerca de 90% do sangue humano é água. Quando fica mais espesso devido à falta de líquido, o transporte de nutrientes e oxigênio para o cérebro é atrasado. Já é perceptível uma perda de dois por cento de líquido com base no peso corporal. As consequências são dor de cabeça, fadiga e dificuldade de concentração. O desempenho físico também diminui. Seitz: "As crianças menores são mais propensas a serem afetadas porque sua sede ainda não está totalmente desenvolvida." Especialmente em dias quentes e durante aulas de esportes e natação, elas devem ser incentivadas a beber.

É importante que os pais apoiem seus filhos e garantam que eles tenham líquidos suficientes. De acordo com os valores de referência D-A-CH para ingestão de nutrientes, crianças de 7 a 10 anos devem beber 970 ml por dia, crianças de 10 a 13 anos e 1170 ml e crianças de 13 a 15 anos devem beber 1330 ml por dia. O termo »D-A-CH« representa os três países Alemanha (D), Áustria (A) e Suíça (CH), cujas sociedades especializadas publicam em conjunto esses valores de referência.

É ideal para os alunos se eles puderem beber não apenas durante os intervalos, mas também durante as aulas. A iniciativa "Beber em sala de aula" apoia as fases regulares de beber na sala de aula - por exemplo, no início da lição, durante as fases de amamentação ou pouco antes do intervalo. Bebidas sem calorias devem estar sempre disponíveis. Heike Kreutz, respectivamente

Informação do autor e fonte



Vídeo: O QUE ACONTECE QUANDO BEBEMOS DEMAIS (Agosto 2022).