Notícia

O sal não saudável é um mito? Sal não prejudicial, como explicado

O sal não saudável é um mito? Sal não prejudicial, como explicado


We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

O sal não é saudável?

Até agora, foi dito que o sal não é saudável e as pessoas devem ter cuidado com a ingestão de sal. Mas os pesquisadores agora descobriram que o sal pode não ser tão prejudicial à saúde como foi reivindicado até agora. As campanhas para reduzir a ingestão de sal parecem valer a pena, segundo os especialistas, apenas em países com alto consumo de sódio, como a China.

Em seu estudo atual, cientistas da Universidade McMaster, no Canadá, descobriram que o sal não parece ser tão prejudicial à saúde como se pensava anteriormente. Os médicos publicaram os resultados de seu estudo na revista de língua inglesa "The Lancet".

Quanto sal as pessoas devem consumir por dia?

A OMS da Organização Mundial da Saúde recomenda reduzir a ingestão de sódio para não mais que dois gramas por dia. Isso corresponde a uma quantidade de cerca de cinco gramas de sal. O sal está associado ao aumento da pressão arterial, que por sua vez está associado a derrames. No entanto, as recomendações para o consumo de sal são difíceis de implementar. Em países como o Reino Unido e os Estados Unidos, não faz sentido fazer essa recomendação, explicam os especialistas.

Mais de 90.000 pessoas participaram do estudo

O estudo atual incluiu mais de 90.000 pessoas de 18 países. Os resultados provocaram uma disputa real sobre o consumo de sal entre médicos e especialistas. Até agora, muitos estão convencidos de que o consumo de sal deve ser reduzido a quase zero, se possível.

A ingestão moderada de sal pode ter um efeito protetor

Os cientistas descobriram que os efeitos nocivos do sódio (aumento do risco de pressão alta e derrame) ocorrem apenas em países como a China, onde o uso generoso de molho de soja leva a níveis de sódio superiores a cinco gramas por dia. Isso corresponde a uma quantidade de sal de 12 gramas. Os especialistas descobriram que níveis muito baixos de sal realmente levaram a mais ataques cardíacos e mortes, sugerindo que a ingestão moderada de sal poderia ser protetora.

O corpo precisa de sódio e outros nutrientes essenciais

Com o estudo atual, há evidências crescentes de que o sódio com ingestão moderada desempenha um papel positivo na saúde cardiovascular, mas desempenha um papel mais prejudicial com a ingestão muito alta ou muito baixa, explicam os médicos. O corpo precisa de nutrientes essenciais como o sódio, mas a questão é quanto dele precisa.

Quais foram as limitações do estudo?

O último estudo observacional comparou diferentes grupos de pessoas e lidou com comunidades e não com indivíduos, o que levou a críticas ferozes. A principal crítica foi que o estudo não mediu com precisão a quantidade de sódio na urina das pessoas. Essa medição exata teria que ser realizada durante um período de 24 horas.

Campanhas para reduzir a ingestão de sal foram parcialmente bem-sucedidas

Campanhas para reduzir a ingestão de sal têm sido benéficas em alguns países. A ingestão de sal no Reino Unido diminuiu de mais de 12 g por dia para 7 a 8 g por dia nos últimos 30 anos, o que tem sido associado a uma diminuição da pressão arterial média da população, explicam os médicos. O Japão costumava ter uma prevalência muito alta de pressão alta e derrames, e também foram tomadas medidas na década de 1970 para reduzir a ingestão de sal. As taxas de pressão alta e derrames são correspondentemente mais baixas nos dias de hoje.

Informação do autor e fonte



Vídeo: 9 Situações em Que Você Realmente Não Deveria Beber Água (Julho 2022).


Comentários:

  1. Akinozuru

    Esta comunicação é))) incomparável

  2. Kleef

    Totalmente de acordo com ela. A idéia de um bom suporte.

  3. Jorden

    Você comete um erro. Escreva para mim em PM, vamos conversar.

  4. Tygorisar

    Presumivelmente.

  5. Aragis

    Fico-lhe muito grato.

  6. Fenrijin

    Não é bom!



Escreve uma mensagem